- Chapada Diamantina

Dia 1, 2 e 3

23:40renata novaes

Deixamos São Paulo na segunda-feira bem cedo.
Saímos pela Bandeirantes e seguimos para Divinópolis por Guaxupé e Capitólio. Esse trecho da viagem é muito bonito.
Pegamos boas estradas, curvas de alta e as lindas paisagens das montanhas das Minas Gerais. Chegamos em Divinópolis perto das 17h00.
Ficamos hospedados no Excelence Comfort Hotel localizado no centro e jantamos na pizzaria Pomodori, com excelente atendimento e massa deliciosa.
No dia seguinte, logo cedo, após o bom café da manhã, seguimos para Janaúba, passando por Curvelo e Montes Claros.
Na região de Montes Claros até a saída da 122 a estrada estava um caos. Defeituosa, cheia de caminhões, trânsito parado e muito óleo na pista misturado a chuva que havia passado por lá. A pista estava realmente escorregadia. Chegamos a Janaúba perto das 17h00.
A cidade é muito simples. Ficamos hospedados no centro, ao lado da rodoviária. Descansamos um pouco e mais tarde jantamos a poucos metros do hotel.

Hoje novamente acordamos cedo. Saimos de Janaúba e seguimos em direção a Bahia. Almoçamos na pequenina Ibitira, onde encontramos um gaúcho muito simpático que acabara de se mudar com a família. Uma prosa boa e nos despedimos.
O nosso caminho passou por Guanambi e Sussuarana. Guanambi impressionou. A cidade estruturada, com um bom comércio que abriga, ao lado de Caetité e Igaporã, o maior complexo eólico da América Latina. Depois de Sussuarana, pegamos um 10 km de estrada péssima, esburacada e sem acostamento.
Faltando uns 20 km para nosso destino, desabou o mundo. A chuva já estava sendo anunciada pelas nuvens escuras carregadas no céu, porém ignoramos o aviso e seguimos viagem sem as capas. Ficamos ensopados. A paisagem na chegada de Mucugê é fantástica. Muito verde, plantações, montanhas e aquele chapadão imenso que nos recepciona na entrada da cidade.

Deixo algumas fotos:


<<< Postagem anterior      Próxima postagem >>> 

VOCÊ TAMBÉM PODERÁ GOSTAR

0 comentários