- Lagos Andinos

Dia 20 - Vila General Belgrano

19:15renata novaes

Hoje no café da manhã a pessoa responsável pela pousada avisou que a máquina de cartão de crédito não estava funcionando e perguntou se podíamos pagar em "efectivo".

Fomos até o centro da cidade que fica a uns 2 km daqui para tentar sacar dinheiro. Passamos em três bancos com três cartões diferentes e não conseguimos sacar nada (ainda bem que não precisamos deste serviço durante a viagem). Numa máquina o cartão era inválido, na outra "limite excedido". 
Demos uma voltinha pelo centro e retornamos  ao hotel para avisar que não tínhamos como pagar em dinheiro.
Pegamos a moto e fomos passear em La Cumbrecita, uma pequeníssima vila de 1000 habitantes que fica a 40 km de Villa General Belgrano, a 1450 metros de altitude, na Sierra Grande.
O caminho é muito bonito.
Chegando próximo da cidade vimos um grande estacionamento lotado de carros.
Dali em diante os turistas só poderiam seguir a pé (menos os que estão de moto que poderiam parar num estacionamento mais próximo da megalópole).
Descesmos uma grande ladeira de pedra e chegamos a vila que é muito interessante. Suas ruas são de terra e o tráfego somente é permitido para os moradores ou turistas hospedados nos hotéis e somente para chegar ao estacionamento.
O lugar é natureza pura. Riachos formam piscinas para os banhistas em meio a bosques e muito verde. As casinhas em madeira completam o cenário.
Mais uma vez está lotada. Famílias com cestas de pic-nic, garrafas de água quente para mate e muitas, muitas crianças. 
"Aqui también la nasción cresce". (Placa que vemos em praticamente todas as estradas da Argentina. Agora entendemos o quer dizer: argentino gosta de fazer neném!)
Almoçamos num restaurante com comida típica alemã e no final da tarde retornamos ao hotel, cansados do sol e da caminhada.
Demos uma descansadinha e a noite saímos para jantar. O centro da Villa general Belgrano estava lotado!
Comemos uma deliciosa pizza no Potrerillo e fomos dormir.
Amanhâ a viagem é curta: 400 km.


Villa General Belgrano
Caminho para La Cumbrecita
Carros no pátio do estacionamento
Chegada a pequena vila

Pouca gente por aqui!






Riachos onde os turistas se banham


Riachos bucólicos
Casinhas...
Comidinhas...


Ninguém é de ferro!
Poema na porta do restaurante





Retornando ao hotel

VOCÊ TAMBÉM PODERÁ GOSTAR

2 comentários

  1. Que delicia,adoro estas cidadezinhas

    ResponderExcluir
  2. Puxa que cidade diferente!!! Deve ser uma bela experiencia! Gostei!

    ResponderExcluir