- Lagos Andinos

Dia 11 - Castro - Puerto Varas

00:39renata novaes

 Mô:
Hoje deixamos a "Isla Grande de Chiloé". Ficamos pouquíssimo tempo mas deu pra ter uma noção do que é o lugar:  Uma região basicamente rural, com um povo humilde denominado chilota. 
As construções são feitas em madeira e a maioria de suas igrejas são tombadas pelo patrimônio histórico.
Possui um parque nacional no oeste e um litoral bastante recortado a leste onde o Pacífico é chamado de mar de Chiloé, que fica rodeado de pequenas ilhas.
É realmente pitoresco mas é preciso estar "preparado". Nem todos vão gostar. 
Na capital Castro, o principal atrativo são as casas coloridas feitas de madeira, com algum revestimento em lata e as vezes construídas sobre palafitas.
Embora rudimentares e mal conservadas,  essas casinhas dão um toque especial ao lugar.

Re:
Hoje antes de sairmos da ilha fomos a um mirador onde pudemos ver melhor as palafitas.
Também passamos novamente na frente do restaurante charmoso e delicioso que jantamos ontem: "De noite todo gato é pardo!" 
Passeamos pela praça central, movimentadíssima, com muito comércio, trânsito confuso e muita gente. 
Visitamos a igreja matriz (de São Francisco) feita toda em madeira numa arquitetura meio gótica. Muito linda.
Passeamos também pelo mercado municipal, colorido e simples.
Antes de deixar a ilha, decidimos conhecer a cidade de Dalcahue, mais arrumadinha que a capital Castro.
Almoçamos num restaurante situado no porto e comemos um prato típico da ilha, o curanto, uma mistura de ostras e mechilhões cozidos com joelho de porco, frango e uma massa recheada com carne.
Muito bom!
Depois do almoço pegamos a Ruta 5 e seguimos para Puerto Varas.
Cruzamos a balsa que desta vez custou mais caro, $7.400,00 pesos e passamos por três pedágios no valor total de $900,00 pesos. Tudo isso em menos de 100 km.
O tempo estava nublado e quando chegamos ao nosso destino não pudemos avistar o vulcão Osorno nem o Calbuco.
Estamos hospedados no hotel Bella Vista, em frente ao lago Llanquihue, cuja vista faz jus ao nome!
Bjs

Igreja de São Francisco
Interior da igreja


Olha os bichinhos meigos que estão soltos por toda a cidade!
Baia
Nosso jantar super charmoso de ontem!
Palafitas que sustentam as casas

Exemplar de casa de madeira que virou um hostel
Era uma casa muito engraçada... Com revestimento em madeira
Casinhas em madeira
Delícias do mercado central
Mariscos no Mercado Central
Pequeno dente de alho de Chiloé
Mercado
Mercado

Casas em palafitas

Iguaria local: Curanto
Uma espécie de sopa de ostra
Destruindo o prato!

Vista do restaurante
Mercado local
Lã tinta
Mercado e restaurante típico
 
 
Gastronomia local no restaurante






 
Lua da janela de nosso quarto!

VOCÊ TAMBÉM PODERÁ GOSTAR

3 comentários

  1. Respostas
    1. Kkkk... É que voce percwbeu o sentido arristico dela!

      Excluir
  2. Nossa essa igreja amarela é no mínimo engraçada! =) Lulão

    ResponderExcluir