- Chile-Peru

Chile-Peru 2012 - 22 º dia: Puerto Maldonado - Rio Branco

11:59Renata

Mô:

Depois de 90 lombadas e 560 km rodados chegamos a Rio Branco, capital do longínquo Acre. 
Apesar da previsão de chuva, nenhum pingo em todo trajeto. 
Os primeiros 230 km rodados no Peru tinham a mesma paisagem da chegada em Puerto Maldonado: Mata fechada, como vemos na Rio-Santos. 
A estrada continuou boa, embora em muitos trechos a chuva tenha deixado a pista com o barro que vem das encostas e das ruas sem asfalto dos pueblos.
Abasteci em Inapari, a última cidade antes da fronteira, e acabei com os últimos soles que me restavam. 
Passamos rapidamente pela aduana peruana (não demorou mais que 10 minutos) e.........bye bye Peru.
Gostamos muito. Um país pobre, com cidades precárias e caóticas, mas muito bonito e com um povo muito bom. 
Das cidades que conhecemos gostamos mais de Arequipa e Cusco, por serem mais estruturadas. Conhecer o lago Titicaca com sua população que vive nas ilhas flutuantes e visitar Machu Picchu foi incrível. Motocar junto ao Pacífico e pelas cordilheiras peruanas foi bárbaro. 
Por isso e por tantas outras coisas, com certeza recomendo. Mudei minha visão de que não gostaria de visitar um país ainda mais pobre que o meu. A experiência é sempre enriquecedora.
Por falar em pobreza, que estrada foi aquela ao entrar no Brasil !!!!!!!!!!! 
Os 330 km até Rio Branco foram divididos em 3 partes iguais: horrível, meia boca e boa.
No percurso paramos para almoçar em Brasiléia. O dono do restaurante foi muito gentil ao me emprestar seu celular para que eu contatasse a transportadora de Rio Branco que levaria minha moto de volta para São Paulo. Então vai a indicação: Restaurante Tantico em Brasiléia-AC.
Lá também encontramos quatro motociclistas de São Paulo que fariam o roteiro inverso ao nosso (duas V-Strom, uma Adventure e uma Drag Star). Subiram de São Paulo a Rio Branco de moto e reclamaram muito do estado das estradas. 
O visual da estrada no trecho brasileiro é de pasto e praticamente não há cidades ao longo da rodovia. 
Chegamos a Rio Branco perto das 7 da noite e fomos direto para a transportadora combinar os detalhes do despacho da moto. 
A empresa ocupa um espaço ocioso num posto Shell e o atendimento do Sr. Raimundo é muito cordial. 
Neste local havia 3 motos recém chegadas de Curitiba. Os donos chegam amanhã.
A indicação da transportadora veio do meu cunhado Ricardo que repassou a informação que conseguiu na "lista" da VStrom (agora é esperar a moto chegar bem em São Paulo para conferir e recomendar o serviço).
O valor do transporte até São Bernardo do Campo é R$ 850,00 (porque a carreta volta vazia). Se fizéssemos o frete de São Paulo para Rio Branco o valor seria o dobro.

Depois disso deixamos nossas coisas no hotel e fomos conhecer um pouco da cidade que surpreendeu positivamente: Limpa, organizada e aparentemente bem planejada.
Jantamos a beira do rio Acre num "point" da cidade chamado Mercado Velho.
Amanhã será dia de despachar a moto e de enfrentar o que pode ser a maior aventura de todas: o "RIP" da TAM. 
Depois eu explico.

Deixando Puerto Maldonado.


Última ponte entregue concluindo a ligação Brasil - Peru.
A estrada:



Acidente a frente.
Resolvendo o nosso problema: continuar a viagem!

Festa na vila e na estrada!


Queda de barranco.


Aduana peruana (rápido e fácil).


Estradas brasileiras!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Brasiléia...E a ponte que vai para a Bolívia...
Brasiléia...
Brasiléia.


Mercado velho de Rio Branco.


Ponte de pedestres em frente ao mercado velho.
Jantando no mercado velho.
Kilometragem inicial 7119 e kilometragem final 14469.

Valor das refeições no Peru: Com $15,00 soles por pessoa já se come uma boa refeição.
O país é dolarizado. Nas principais cidades turísticas o dolar é aceito como moeda local, num câmbio que varia de $2,60 a $2,70 por soles.
A gasolina varia de $14,50 a $15,50 soles o galão.
A hospedagem num hotel tres estrelas fica em torno de US$60,00 dólares.

Hospedagem:
Hotel: Imperador Galvez
Endereço: Rua Santa Ines, 401 Rio Branco (Acre), 69900-840 Brasil 
Telefone: +556832237027 
E-mail: imperadorgalvez@uol.com.br
Valor da diária: R$260,00 (muiiito caro!!!)
<<< Postagem anterior: 21 º dia - Puerto Maldonado - Rio Branco       Próxima postagem: 23 º dia - Rio Branco - São Paulo>>>

VOCÊ TAMBÉM PODERÁ GOSTAR

4 comentários

  1. Fico feliz que tudo correu bem. Parabéns por mais esta conquista e especialmente pelas preciosas informações que nos fizeram viajar com vocês....Bom retorno para o lar doce lar.......
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Ficamos felizes dessa aventura, obrigado por nos proporcionar essa viagem junto com vocês. Parabéns, bom retorno.

    Beijos e Abraços

    Marcos e Fernanda

    ResponderExcluir